Diário

Área de elementos

Taxonomia

Código

Nota(s) de âmbito

    Nota(s) da fonte

      Mostrar nota(s)

        Termos hierárquicos

        Diário

          Termos equivalentes

          Diário

            Termos associados

            Diário

              4 Descrição arquivística resultados para Diário

              4 resultados diretamente relacionados Excluir termos específicos
              Diário de Antero Leal Marques
              PT/AHS-ICS/DLM · Fundo · 1932

              Antero Leal Marques (1880-1969) foi chefe de gabinete de Oliveira Salazar entre 27 de Abril de 1928 e 28 de Agosto de 1940, tendo sido um dos primeiros e mais íntimos colaboradores de Salazar, primeiro, no Ministério das Finanças e, depois, na presidência do ministério. Escreveu um curtíssimo «Diário», manuscrito, que tem por objecto a formação do primeiro governo de Salazar, em Julho de 1932. Esse documento, um volume com 64 páginas, foi doado por Henrique José Monteiro Chaves ao Arquivo de História Social.

              O fundo contém ainda fotocópias de condecorações entregues pelo Estado Português e Espanhol a Antero Leal Marques (1930-1934) e outra documentação de apoio à investigação produzida por Henrique Chaves (Fotocópias e transcrições do manuscrito).

              Marques, Antero Leal.
              Diário de Manuel António Bôto
              PT/AHS-ICS/MAB · Fundo · 1966

              Memórias da Guerra Civil de Espanha.

              Bôto, Manuel António.
              PT/AHS-ICS/DIV-05-008 · Item · 2024-04
              Parte de A Divulgação AHS/ICS-ULISBOA

              Número especial 50 anos do 25 abril, com destaque para documentação com acesso digital recente: Luta Popular (jornal do MRPP, 1971) da coleção José Laranjo, com presença na exposição de longa duração do Museu Nacional Resistência e Liberdade, no Forte de Peniche; Binómio (jornal da AEIST, 1964-1987) que se encontra nos fundos José Barreto, José Laranjo, Maria Teresa Reis e Vítor Matias Ferreira, presente na exposição temporária "Estudantes de Abril", organizada pelo jornal Diferencial (AEIST).
              Inclui ainda a escolha do arquivista, com foco na visibilidade de Catarina Eufémia através da música de Intervenção; as exposições "Há Sempre Alguém que Diz Não" (Câmara Municipal de Grândola) e "Estudantes de Abril" (Jornal Diferencial, AEIST), a decorrer em abril de 2024 e a exposição “A Paz, o Pão, Habitação…”: Valores de Abril em Autocolantes (Arquivo de História Social/ICS) a decorrer entre maio e setembro de 2024. Conta, também, com uma chamada para trabalhos para o Congresso "A Imprensa de Exílio(s)".

              Este número do Mensário divulga ainda o Fundo Manuel António Bôto, com o contributo de Patrick Figueiredo, estudante de doutoramento em História no PIUDHIST. O autor foca-se no diário "Memórias da Guerra Civil de Espanha", fotocópia de um texto datilografado em São Paulo, entre 1960 e 1966, pelo ex-militante anarco-sindicalista e ex-agente secreto da república espanhola. Inclui também a divulgação das novidades no catálogo do AHS, com texto da autoria do antropólogo João Pina-Cabral intitulado "Núcleo Euroasiáticos em Macau: recolhas de campo de João Pina-Cabral (1989-91)".

              Figueiredo, Patrick