Mostrar 24 resultados

Descrição arquivística
BOSGRA, S. J. e KRIMPEN, Chr. van, "Portugal e a NATO". Amesterdão: Angola Comité, 1969
BOSGRA, S. J. e KRIMPEN, Chr. van, "Portugal e a NATO". Amesterdão: Angola Comité, 1969
«Nato Ministers Council in Lisbon condemned - Growing western alliance with Portugal and South Africa cited
«Nato Ministers Council in Lisbon condemned - Growing western alliance with Portugal and South Africa cited
Comunicado do Movimento Nacional Democrático.
Comunicado do Movimento Nacional Democrático.
Atravers l'institution du Commandement du Secteur Ibero-Atlantique de L'OTAN (Iberlant) a Lisbonne on fortifie le role militaire du fascisme portuguais dans l'Alliance Atlantique.
Atravers l'institution du Commandement du Secteur Ibero-Atlantique de L'OTAN (Iberlant) a Lisbonne on fortifie le role militaire du fascisme portuguais dans l'Alliance Atlantique.
«Communiqué»
«Communiqué»
Outra documentação relacionada com diversos assuntos.
Outra documentação relacionada com diversos assuntos.
Comunicado sobre acção contra as instalações dos CTT cortando as comunicações entre Lisboa e o resto do Mundo.
Comunicado sobre acção contra as instalações dos CTT cortando as comunicações entre Lisboa e o resto do Mundo.
O que é o Pacto do Atlântico?
O que é o Pacto do Atlântico?
Lutemos pela paz, lutemos pela independência nacional.
Lutemos pela paz, lutemos pela independência nacional.
Mais uma importante vitória das forças da Democracia e da Paz.
Mais uma importante vitória das forças da Democracia e da Paz.
A neutralidade e a paz servem os interesses de Portugal.
A neutralidade e a paz servem os interesses de Portugal.
«Statement»
«Statement»
Aos democratas, aos defensores da paz, aos portugueses.
Aos democratas, aos defensores da paz, aos portugueses.
Ao Povo de Lisboa.
Ao Povo de Lisboa.
«TriContinental Outpost»
«TriContinental Outpost»
«Statement / Unable to stop the armed struggle, Portugal pretends to have NATO bases in its colonies in order to intervene against the Liberation Movements»
«Statement / Unable to stop the armed struggle, Portugal pretends to have NATO bases in its colonies in order to intervene against the Liberation Movements»
«Incapable d'arreter le devellopement de la lutte armée le Portugal pretend faire installer des bases de l'OTAN das ses colonies afin de les faire intervenir contre les Mouvements de Liberátion
«Incapable d'arreter le devellopement de la lutte armée le Portugal pretend faire installer des bases de l'OTAN das ses colonies afin de les faire intervenir contre les Mouvements de Liberátion
Os Acordos de Paris ameaçam a paz
Os Acordos de Paris ameaçam a paz
O Pacto do Atlântico é contra o povo português.
O Pacto do Atlântico é contra o povo português.
Ao Povo Português.
Ao Povo Português.